Prova
Toda a vez que a gente lembra como um profissional é formado, inevitável é lembrarmos também dos bancos escolares. Hoje, de um lado você tem um professor fazendo uma exposição de conteúdos e eventualmente aplicando alguns exercícios para a fixação desse conteúdo e de outro lado temos o aluno desesperado anotando absolutamente tudo para ao final fazer a pergunta fatídica, a pergunta que todo professor detesta ouvir: vai cair na prova?

*****
Reconhecimento
Quando o aluno faz essa pergunta fica evidente que o foco que ele tem naquele momento não está em adquirir esse conhecimento para sua vida, mas sim em conseguir guardar ainda que temporariamente esse conteúdo para que ele consiga passar no ritual chamado prova. E, se ele conseguir passar com certa qualidade em todas as provas, ele automaticamente será reconhecido como alguém habilitado para exercer determinada atividade profissional. É por isso que temos visto no mundo corporativo muitas pessoas com uma formação extremamente ampla, porém com uma incapacidade de colocar esse conhecimento adquirido na prática.

*****
Comportamento
Então temos de entender que os modelos modernos educacionais de natureza profissional para o futuro partem de uma visão mais abrangente sobre o comportamento humano. Mais do que simplesmente entender como as pessoas decidem, devemos entender como essas decisões acontecem, que fatores influenciam na hora em que vamos tomar uma decisão e principalmente que fatores estão influenciando as pessoas a sua volta para tomar essa decisão. Por isso, na hora que você quiser se preparar para o seu futuro é melhor começar a olhar mais para o comportamento humano e menos para os exercícios de memorização de conteúdo achando que quem tira notas boas nas provas está garantido na sua vida. Para a coluna Visão Empresarial

Luciano Salamacha